Instituto não é obrigado a contratar deficientes sem qualificação para cumprir cota.